segunda-feira, 20 de junho de 2011

Mae Aprendiz,Vivendo e Aprendendo

                                         Mãe Aprendiz, Vivendo e Aprendendo                    
                                       
                                                 Aprendendo e Vivendo
                                     
      
    O portal tem como missão levar aos pais, em especial as mães, notícias atuais com dados confiáveis sobre o universo infantil. Dando assim um suporte para as mães, que na maioria das vezes, sentem-se inseguras em relação à criação dos filhos, com informações fundamentais para o cuidado com a criança desde a concepção até a primeira infância.
    O portal também orientará sobre saúde, alimentação, relacionamento e comportamento, vida escolar, relação entre amiguinhos e entre os pais, e a criança na sociedade. Enfim o portal tem o objetivo de esclarecer dúvidas, dar suporte e levantar questões significativas para pais e filhos.
É uma Criação, desenvolvimento e materialização de produtos na web, com a correspondente operação experimental. Textos e imagens do produto digital e demonstração em computador, sendo obrigatório confeccionar o que se estabelece em cada produto.
        É um portal on-line que ajuda as mães de primeira viajem a cuidarem dos filhos aquelas que descobrem a gravidez e diz.”Aí meu Deus e agora como vou cuidar de um bebe.”
      Todas as mães podem consultar todos os portais como dicas para cuidar dos filhos tem os links para consultar outros sites de como cuidar dos filhos, saúde, alimentação, gravidez, etc... Tem o blog que fala sobre bebes também .
      O portal é como web jornalismo que trás informações semanalmente reportagens e fotos diferentes, entrevistados como médicos pediatra, psicólogo que fala depressão a gravidez pós parto, como corrigir o  comportamento do filho, como lidar alimentação do seu filho.E entre outros.
     Portal, com arquitetura específica e facilmente identificável, bem como com conteúdo e estratégias pertinentes a este produto, ou seja: local de passagem. São requeridas ao menos 25 páginas nas camadas adotadas. Textos e imagens do produto digital e demonstração real em computador.
     A futura mãe se torna então uma aprendiz de como lidar com aquele momento e consequentemente com o bebê que está por vir. Preocupada em oferecer e ser o melhor para o filho, mesmo após o nascimento, a mãe vive em constante aprendizado buscando informações que possam ajudá-la no cuidado com a criança em desenvolvimento, pois o universo infantil é repleto de descobertas, tanto para o bebê quanto para mãe, e é o estágio mais importante para a formação da personalidade e do caráter do ser humano.
      A formação do apego é a interação da mãe com o bebê, um vínculo estabelecido desde a concepção quando a mãe conversa com o bebê ainda na barriga, ao nascimento, a troca de olhares, a carícia, o aconchego, comportamentos que servem tanto para manter contato como para mostrar afeição.
    Com toda essa responsabilidade as mães, apesar de já serem capazes, muitas vezes, sentem-se inseguras em relação aos cuidados com o bebê e buscam informações que possam ajudá-las nesse processo.
      Com essa afinidade a mãe consegue despertar no bebê a auto percepção e também pode desenvolver a capacidade dele de ter sentimentos, que de alguma forma correspondem aos sentimentos da mãe.
         A mãe, por natureza, já sabe como tratar seu bebê, como por exemplo, que tem a hora certa de parar de amamentar e inserir alimentos sólidos na dieta do bebê, porém, deve ser orientada sobre a alimentação adequada. Da mesma forma a mãe sabe como segurar o bebê, mas pode ser orientada sobre outras formas de segurá-lo, formas agradáveis para ele em determinado momento.
       É importante reconhecer o fato da dependência. A história do desenvolvimento infantil é de dependência absoluta que avança pouco a pouco até chegar à independência.
       Hoje em dia, muitas pesquisas analisam as relações entre mães e bebês e trazem novos dados para a reflexão psicológica e pedagógica, especialmente ao mostrar a grande capacidade dos bebês para se relacionar e perceber o mundo.
      É muito importante este tipo de estudo, pois se é nessa fase que estabelece sentidos biológicos, sensoriais e neurológicos fundamentais para o caráter do ser humano, é de extrema importância colher dados que possam ajudar os pais a estabelecer essa herança da melhor forma possível na vida da criança em formação, para que no futuro esse individuo se torne um adulto com mente sadia e um caráter digno que melhor irá compor a sociedade.
       As crianças estão sempre em evolução e cheia de dúvidas, e descobertas, por isso os pais e o ambiente em que a criança vive é de importância fundamental para um bom resultado quando da vida adulta.                                                                                                                               
       Em breve estará disponível o portal http://www.maeaprendiz.com.br/.

       Patrícia do Vale




Nenhum comentário: